segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

« Não Gosto do Pai Natal »

Fernando Peixoto

Não gosto do Pai Natal
porque a mim já não me ilude:
todas as prendas que traz
dão-me cabo da saúde.

Traz no saco, que carrega,
cada vez mais sofrimento
e deixa-me logo «à pega»
baixando-me o vencimento.

Com discursatas perversas,
mil ilusões repartidas
enche o saco de promessas
que nunca serão cumpridas.

Eu não quero dizer mal
mas temos gostos opostos:
peço prendas plo Natal
e ele dá-me mais impostos.

E mal entra o Ano Novo
logo me cheira e pressinto
que eu, que pertenço ao Povo,
vou ter de apertar o cinto.

Sobe a água, sobe a luz,
e os aumentos são bem fortes
e, para aumentar a cruz
sobem também os transportes.

É pior de cada vez
que olho esse velho gaiteiro:
Já sei que vai sobrar mês
quando acabar o dinheiro.

No País em que vivemos
(somos quase 10 milhões)
Ali-Babás... poucos temos,
mas temos muitos ladrões.

Por isso é que não me ilude
este velhote atrevido:
Pai Natal é Robin Hood,
mas Robin Hood ... invertido.

FERNANDO PEIXOTO

Marcadores: , ,

5 Comments:

Anonymous Rosa said...

Chérs Syl & Fernando

Quando on voit la situation, que ce soit au Portugal ou ici,on peut dire que l'histoire du papa Noel a bon dos,sourtout quand c'est pour augmenter les prix sur tout.
Et comme on'est en hiver qu'il géle a -5,les salaires congélent aussi,le chaufage augmente de plus en plus,alors pas de feu de cheminée,pour acueillir papa Noel,tant pis...
J'ai beaucoup aimée cette poésie satirique!!!

Bisous
Rosa

18 de dez de 2007 13:09:00  
Blogger A.S. said...

Meu caro Fernando

É caso para dizer que faço minhas as tuas palavras!!!

Um Poema é uma arma! E tu sabes usá-la como ninguém!

Estou contigo nobre camarada no mesmo caminho!!!

Um grande abraço

Albino Santos

18 de dez de 2007 13:18:00  
Anonymous Emília Possídio said...

Eu também não gosto do Pai Natal, Fernando,porque na realidade ele é meio que carrasco com o brasileiro também (rsrsrs)
Gostei muito dos versos!!!
Emilia Possídio

18 de dez de 2007 16:38:00  
Anonymous Gloria Guedes said...

Fernando, achei muito interessante seu texto. Do lado de cá do oceano temos as mesmas queixas. Mas nem por isso vou deixar de desejar a você e aos seus um Feliz e abençoado Natal. Que a estrela de Natal brilhe o ano todo trazendo muita saúde, alegrias, paz e felicidades. Um Ano Novo repleto de coisas novas e grandes realizações.
Um grande abraço da amiga Glória Guedes.

20 de dez de 2007 09:51:00  
Blogger Poemas e Cotidiano said...

Fernando e Sylvia:
Desejo a voces um Feliz Natal, com muitas bencaos.
Um beijo
MARY

22 de dez de 2007 00:25:00  

Postar um comentário

<< Home